Record

Assinatura Digital Premium Saiba mais

Olimpo não caiu aos pés de Negreanu

EPT GRAND FINAL GANHO POR STEVE O’DWYER

Olimpo não caiu aos pés de Negreanu
Olimpo não caiu aos pés de Negreanu

Ao contrário do filme “Assalto à Casa Branca”, onde sigla para anunciar a tomada do edíficio fazia referência à queda do Olimpo, Daniel Negreanu não conseguiu ofuscar o brilho dos restantes “deuses” do póquer na mesa final do EPT Grand Final. O Team Pro da Pokerstars ficou em 4.º lugar no Mónaco, faturando 321 mil euros, mas ainda assim muito distante do sucesso do grande vencedor do evento, o irlandês (que também possui nacionalidade estado-unidense...) Steve O’Dwyer, que desbravou 1 milhão e 224 mil euros.

Foi opinião generalizada dos especialistas que a mesa final no Casino de Monte Carlo foi a melhor de sempre de um torneio do European Poker Tour. Para além de O’Dwyer, que ergueu o troféu depois de várias presenças na fase decisiva sem nunca concretizar o objetivo principal, nomes como Andrew Pantling (2.º), Johhny Lodden (3.º), o próprio Negreanu, Jake Cody (5.º), Noah Schwartz (6.º), Jason Mercier (7.º) e Grant Levy (8.º).

“Não tenho palavras. Estou em choque”, balbuciou O’Dwyer ainda mal refeito do seu triunfo. Ele que admitiu ter sido “um pesadelo” a reta final do torneio, dada e elevada qualidade dos jogadores em prova. Recorde-se que três portugueses, António Matias, João Brito e o Team Pro nacional da PokerStars, João Nunes, atingiram o Dia 2 do evento monegasco, mas sem conseguirem ir mais além dessa fasquia.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Poker

Notícias

Notícias Mais Vistas

M M