Record

Assinatura Digital Premium Saiba mais

Prova suspensa de novo

ELIMINATÓRIAS REGRESSAM SEGUNDA-FEIRA, DIA DO INÍCIO DA COMPETIÇÃO FEMININA

O Rip Curl Pro Search, nona e penúltima etapa do Circuito Mundial ASP de surf, foi interrompido mais uma vez este domingo, cumprindo novo período de espera até segunda-feira, dia em que arranca a competição feminina.

Concluída a segunda eliminatória da competição, com a disputa de três "heats" na praia do Pico da Mota, em Peniche, a organização começou por suspender a prova e depois decretou um dia de espera, anunciando nova chamada às 07.30 desta segunda-feira, para conferir as condições do mar e um possível início meia hora depois.

A prova arrancou na última quinta-feira na praia do Molhe Leste, depois de três dias de espera, com apenas três "heats" da primeira eliminatória, um dos quais ditou o afastamento precoce do português Tiago Pires, diante do norte-americano Nathaniel Curran.

Após uma interrupção, o campeonato foi retomado, ainda na última quinta-feira, permitindo a realização de mais cinco "heats" e a estreia do português David Luís, que caiu também na primeira fase, frente ao australiano Kai Otton.

Na sexta-feira, mais uma vez num dos palcos alternativos a Supertubos, a praia do Lagido, foram disputados os seis restantes confrontos da primeira fase, que ditaram a saída do vencedor do "wild card" das qualificações, o português Justin Mujika, perante o australiano Dean Morrison.

O dia de competição mais preenchido acabou por ser este sábado, na praia do Pico da Mota, com a realização de 13 "heats" da segunda eliminatória. Esta ronda ditou a eliminação do "mítico" Kelly Slater e a impossibilidade de o norte-americano, nove vezes campeão do Mundo, revalidar o título de 2008, que será atribuído apenas na última prova do calendário, o Billabong Pipeline Masters, a disputar de 8 a 20 de dezembro em Banzai Pipeline, no Havai.

Em Peniche, à espera do reinício da competição, continuam os principais candidatos ao triunfo final, os australianos Mick Fanning, campeão do Mundo em 2007, com 44 pontos de vantagem, e Joel Parkinson, que dispõe de uma vantagem ainda confortável sobre o brasileiro Adriano de Souza, o norte-americano CJ Hobgood, vencedor do Circuito em 2001, e o australiano Bede Durbidge.

Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Rip Curl Search Pro

Notícias

Notícias Mais Vistas

M M