O inglês Mark Selby, n.º 1 do ranking, garantiu a presença na final do Campeonato do Mundo de Snooker após bater, num "thriller" emocionante, Marco Fu (Hong Kong), por 17-15. Uma ponta final com snooker de elevadíssima qualidade técnica deu a Selby a terceira final da carreira, depois da derrota de 2009 e da vitória em 2015.

Do outro lado estará o chinês Ding Junhui que pela primeira vez marca presença no encontro decisivo de um mundial, depois de bater o veterano escocês Alan McManus por 17-11.

Autor: Miguel Sancho