Ao terceiro dia, finalmente disputaram-se regatas nos Mundiais de 49er e 49er FX, que decorrem ao largo do Porto e Matosinhos, com os primeiros líderes, após três regatas, a serem os alemães Tim Fischer e Fabian Graf.

Já sem a falta de vento e o nevoeiro que arruinaram as jornadas de segunda e terça-feira, Fischer e Graf somam três pontos, fruto de três primeiros lugares, e vão surpreendendo os favoritos, como os britânicos Dylan Fletcher-Scott e Stuart Bithell, 14.ºs com 22 pontos.

Os campeões da Europa estão mesmo atrás dos melhores portugueses, Jorge Lima e José Costa, que venceram uma das regatas e seguem em 10.º, com 16 pontos (1, 2, 13).

"Foi, sem dúvida, um dia particularmente stressante, porque estávamos há dois dias a acumular energia para finalmente começar este mundial. Estamos muito contentes com o dia que fizemos, o que para as primeiras três regatas é fantástico. Dá-nos confiança e, acima de tudo, assumir que estamos a andar bem e no bom caminho", disse José Costa no final.

O velejador reforça a ambição de uma boa classificação final: "Um bom resultado seria ficarmos entre os 10.º e 12.º. O nosso melhor resultado em mundiais é um quinto lugar. As condições neste momento são outras, venho de uma lesão, por isso começámos a treinar a meio da época e temos pouco ritmo competitivo."

No que respeita às restantes tripulações nacionais, Rodolfo Pires/Gonçalo Pires estão no 56.º lugar (20, 25, 9) e Francisco Maia/Afonso Maia são 73.ºs (22, 22, 23).

Entretanto, a jornada ainda não terminou para a frota feminina, dos 49er FX, que esta quarta-feira disputam duas regatas.

Autor: Lusa