Com os dois penáltis - ambos anotados - na goleada do Real Madrid diante do Valencia (1-4), Cristiano Ronaldo tornou-se no futebolista que mais castigos máximos cobrou em toda a história da Liga espanhola: 72 (61 apontados e 11 falhados), número que supera os de Hugo Sánchez (71), outro antigo avançado merengue.

O craque português parece ter recuperado a veia goleadora. CR7 marcou quatro golos nas duas últimas jornadas, tantos quanto os que havia alcançado nas anteriores 19 rondas... Segue agora com oito, ainda longe do líder Messi (19).

Ronaldo foi 'ceifado' e não perdoou na hora de marcar o penálti

Ronaldo foi 'ceifado' e não perdoou na hora de marcar o penálti