Record

Nota do diretor

António Magalhães
António Magalhães Diretor de Record

Um email infame

Face a um email assinado por Carlos Janela e enviado para Luís Filipe Vieira e que põe em causa a integridade de jornalistas do Record e, por consequência, do próprio jornal, cumpre-me o seguinte esclarecimento:

1. O email lança insinuações inaceitáveis que ferem a reputação do Record e atingem o bom nome dos jornalistas associados à eventual criação de um blogue supostamente financiado pelo Benfica.

2. O Record nada tem a ver com as guerras que estão instaladas no futebol. Apenas cumpre a sua missão: informar.

3. A Direção do Record mantém total confiança nos jornalistas atingidos por esta vil calúnia e que pela sua conduta profissional e comportamento ético e deontológico estão acima de qualquer suspeita.

4. Independentemente da veracidade ou não do email (Carlos Janela afirmou publicamente que o email é falso), a mancha da difamação, falsa e gratuita, é demasiado grave para passar impune.

5. O Record procederá judicialmente contra os responsáveis por esta infâmia e calúnia.

António Magalhães
Deixe o seu comentário
M M