Record

Assinatura Digital Premium Saiba mais

Saída de campo

Bernardo Ribeiro
Bernardo Ribeiro Diretor adjunto de Record

Teste de fogo ao Benfica

A equipa de Rui Vitória tem hoje um teste complicadíssimo na Grécia, onde frente ao PAOK vai tentar carimbar o acesso à milionária Liga dos Campeões. É óbvio que os 43 milhões que serão garantidos com a desejada qualificação são razão mais do que suficiente para que o clube e os seus representantes tudo façam para lograr o apuramento. Pelo sim, pelo não, Luís Filipe Vieira instituiu um prémio de 4 milhões a distribuir pelo plantel para aumentar a ambição. Mas a verdade é que em termos meramente desportivos, não há treinador ou jogador que não prefira jogar na Champions do que na Liga Europa. O empenho está garantido.

Se o Benfica está em dificuldades, isso sucede por culpa própria. Na Luz os encarnados foram muito, mas mesmo muito superiores aos gregos. Uma noite infeliz na concretização, mas também na gestão do jogo, leva a que sejam obrigados a marcar em Salónica para passar. Acredito que será esse o desfecho da eliminatória, pois o Benfica é muito melhor. Mas tem de ser mais sério, incisivo, intenso e profissional do que mostrou em Lisboa. Sem correr mais riscos desnecessários. Sob pena de os pagar caros.

Operação Lex, Vouchers, Mails, E-toupeira, Mala Ciao e Fraude fiscal. Não admira que os sponsors e investidores dos encarnados estejam atentos aos processos. São muitos.
Deixe o seu comentário
M M