Saída de campo

Bernardo Ribeiro

Bernardo Ribeiro

Diretor adjunto
Bernardo Ribeiro

Vai ser difícil pacificar isto

Após a bem intencionada, mesmo que tardia, mensagem de Fernando Gomes sobre o atual estado do futebol português, eis que já parecem esquecidas as ondas de choque causadas pelas palavras do presidente da FPF. Os três grandes vivem no tal clima de guerra permanente e acabam por ter estratégias de comunicação muito semelhantes, de agressão sucessiva, seja por causa de um lance de arbitragem, seja por outra coisa qualquer. E se der para atingir o VAR...

Os emails continuam na ordem do dia. Desta vez foi Carlos Pereira a referir-se a eles após a expulsão de Zainadine e Jubal por palavras. Casos como este não ajudam, é óbvio, não só à pacificação, muito menos à transparência. Mas não é apenas calando os dirigentes que se resolverá o problema. Porque as redes sociais vieram democratizar a informação e ajudar a formular opinião. Aliás, é por isso que os três grandes têm departamentos de comunicação com braços armados, não identificados, que diariamente atacam os rivais, jornalistas ou seja quem for que tenha opinião diferente da que pretendem dominante. Há hoje demasiada gente disposta a sujar as mãos.

Não vai ser fácil pacificar o futebol. Por muito que esse seja o verdadeiro desígnio de Gomes e Proença, mesmo que em barricadas opostas. Têm tarefa dificílima. Mas desejo-lhes sorte. Sinceramente.

26.09.2017
M M