Adeptos do Real não merecem CR7

A ingratidão é, seguramente, um dos sentimentos que marca firmemente a Humanidade. Quantas vezes nos surpreendemos, até, com atitudes inesperadas nesse plano de pessoas a quem queremos tanto? Obviamente, quase que quotidianamente, o futebol não escapa a essa praga e a noite da última terça-feira ficou marcada por mais uma disparatada, incongruente, indiscritível e ingrata atitude de parte dos adeptos do Real Madrid a um futebolista a quem, no mínimo, deviam beijar os pés. É evidente que não se trata da maioria, mas por aquilo que tem feito e continuará a fazer CR7 é dos raros cidadãos futebolistas que merece a unanimidade dos seus pares. Depois de recentemente termos ouvido seguidores do Chelsea terem chamado «Judas» a José Mourinho, só faltava mesmo mais um coro de assobios dirigidos a quem tem levado muitas vezes o Real ao colo – como, não posso escapar a isso, Viktor Kassai o levou na noite da eliminação do Bayern e de mais um «hat-trick» do atual melhor do Mundo. Já em sentido contrário, a viver verdadeiro conto de fadas, ou não estivesse no Principado, encontra-se o Monaco de Jardim, Bernardo e Moutinho, mas é bom que se diga que aquilo que a equipa tem feito não caiu do céu aos trambolhões. Ali há trabalho e gente jovem com classe, como Mbappé, Mendy ou Lemar. E o «eterno» Falcao…

Amanhã há mais um jogo especial no futebol luso. Depende do Sporting avivar a Liga, mas também depende do Benfica rasgar o caminho para o tetra. Como sempre, o «feeling» de quem escreve não entra nestas contas…

20.04.2017
M M