Record

Assinatura Digital Premium Saiba mais

À minha maneira

José Manuel Freitas
José Manuel Freitas

'Buona fortuna' fantástico CR7

Florentino Pérez fez tudo nos últimos tempos (apesar de múltiplas imagens que apontavam em sentido contrário) para que CR7 batesse com a porta do Real Madrid. Fosse a falta de carinho na questão dos impostos, ganhar menos do que Messi – ele que é o futebolista no Mundo que mais gera – ou por ciúmes (ou cotovelite, diria Jorge Jesus) tudo indica que o melhor futebolista mundial se fartou e continuará a espalhar magia com a camisola da Juventus e será a quarta etapa da sua carreira – onde os adeptos, como aconteceu quando chegou a Madrid, se preparam para o idolatrar. O Real Madrid é grande, continuará a conquistar títulos, mas creio que não será o mesmo nos próximos tempos; já Ronaldo, pujante nos seus 33 anos, tem tudo para continuar naquele lugar que muitos almejam, mas onde é complicado chegar. Continuarei a sentir por CR7 o que nunca escondi, lamento que deixe os merengues e à italiana desejo-lhe «buona fortuna».

O Mundial terminou para Portugal e Espanha, as minhas seleções do coração, gostava que fosse a Inglaterra a conquistar o título, mas a lógica aponta para o Brasil. Porque Neymar (parvoíces à parte) já chegou à Rússia.

Como os cogumelos, todos os dias nascem (ou renascem) candidatos à liderança do Sporting, confirmando-se a vitalidade do clube. Na hora de votar se verá, mas o voto de confiança de Frederico Varandas em Peseiro pode ter influência.

LeBron James, o CR7 da NBA, vai jogar no clube com quem simpatizo, os LA Lakers. O que quer dizer que as minhas noites voltarão a ser fantásticas.

Deixe o seu comentário
M M