Três sentenças

Luís Pedro Sousa

Luís Pedro Sousa

Editor
Luís Pedro Sousa

O papel de Rúben Ribeiro

O papel de Rúben Ribeiro

1. Rúben Ribeiro, muito provavelmente a grande figura do mercado de janeiro no futebol português, constitui também o maior desafio que Jorge Jesus terá de superar até final da temporada e que poderá marcar a diferença entre um Sporting campeão ou mais um ano de espera por um título que tarda a chegar. Já todos percebemos, até pelo véu que o treinador leonino foi levantando, que será o ex-jogador do Rio Ave o escolhido para o papel de segundo avançado, largando o lado esquerdo, ao qual não dá a profundidade exigida num clube grande, e evitando nova experiência no miolo do tererreno, pois não lhe empresta a necessária dinâmica e intensidade.

Seria perfeito ‘casar’
e não "acasalar"

Inteligente, muito bem dotado tecnicamente, jogador de finta curta, remate pronto e certeza no último passe, é ele que vai "acasalar" com Bas Dost. Pouco rigoroso nas palavras, mas, mais importante do que isso, claro nas ideias, Jorge Jesus pretende, afinal, o melhor de dois mundos para o futebol do Sporting. Não perder a profundidade nas alas (pelo que manterá Gelson e Acuña), continuar a ter consistência no miolo (com William Carvalho e Bruno Fernandes) e ganhar a muleta perfeita para o holandês. Não se trata de "acasalamento", mas, talvez, do ‘casamento’ perfeito na frente de ataque.

Um Real burguês
que começa a dar pena

Nova derrota do Real Madrid, desta feita em pleno Bernabéu, às mãos do Villarreal. Depois de um princípio de época prometedora, os merengues tornaram-se uma equipa burguesa, talvez fruto dos títulos recentemente acumulados. Os defesas não defendem, os médios não marcam e os avançados não correm.




13.01.2018