Dinamarca-Suécia: suecos desfalcados devido a restrições relacionadas com a Covid-19

• Foto: Action Images

Dinamarca e Suécia defrontam-se, esta quarta-feira, em jogo de cariz particular, num encontro em que formação sueca não poderá com o contributo de cinco internacionais, devido a restrições relacionadas com a pandemia de Covid-19.

Nos últimos cinco jogos disputados, entre encontros particulares ou oficiais, a seleção dinamarquesa registou três vitórias (Ilhas Faroé, Islândia e Inglaterra), um empate (Inglaterra) e uma derrota (Bélgica), enquanto que a seleção sueca somou um triunfo (Rússia) e quatro derrotas (França, Portugal, Croácia e Suécia).

No que diz respeito aos últimos cinco jogos realizados em casa, a Dinamarca registou três vitórias (Luxemburgo, Gibraltar e Ilhas Faroé), um empate (Inglaterra) e uma derrota (Bélgica), ao passo que a Suécia a jogar fora de portas somou três triunfos (Malta, Roménia e Rússia) e duas derrotas (Croácia e Portugal).

Para esta partida, a Suécia não poderá contar com o contributo de Robin Olsen [Everton], Emil Krafth [Newcastle], Filip Helander [Rangers], Victor Lindelöf [Manchester United] e Ken Sema [Watford], jogadores que foram impedidos pelos clubes de se deslocarem até à Dinamarca. Conheça aqui os motivos.

Relativamente ao confronto direto recente, destaque para a ligeira superioridade da Suécia, seleção que venceu dois dos últimos cinco duelos disputados entre os dois países, com os restantes três encontros a terminarem com um triunfo da Dinamarca e dois empates.

Placard

CÓD 172

Manchester Utd.

3.46

Empate

3.31

Leicester City

1.93

Por Record
Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Últimas Notícias

Notícias