Linha direta

Nuno Martins
Nuno Martins Redação

Vencer a descrença

O início da segunda volta da Liga é uma espécie de recomeço para o Benfica. O que parecia distante há cinco jornadas, tornou-se agora possível: a revalidação do título. As águias encurtaram a desvantagem de sete para dois pontos e passaram a estar dependentes delas novamente e não de terceiros.

É certo que o Sporting segue na liderança, mas os últimos jogos mostraram que os leões também caem. Hoje, o sonho do tri volta a fazer sentido para os encarnados.

Esta recuperação tem dedo e mérito de Rui Vitória, que venceu a descrença, quando já poucos acreditavam que o Benfica pudesse discutir o título. O técnico baralhou e voltou a dar, redefinindo um onze à sua medida e equilibrado. Abdicou de Samaris, lançando Fejsa, que conferiu consistência ao miolo. E devolveu Pizzi ao lugar de origem, confiando-lhe as funções de extremo. O 21 tem marcado e decido jogos.

Nesta fase, Vitória começa a receber reforços, não quem veio de fora (Grimaldo), como quem estava lesionado (Semedo, Luisão, Gaitán, Salvio…), para lutar pelo campeonato, o principal objetivo dos encarnados para esta temporada.

Deixe o seu comentário

Assinatura Digital Record Premium

Para si, toda a
informação exclusiva
sempre acessível

A primeira página do Record e o acesso ao ePaper do jornal.

Aceder

Pub

Publicidade
apenas 1€ por mês
experimente sem compromisso e garanta o seu lugar na bancada da melhor informação desportiva.
  • conteúdo record em qualquer sítio e a toda a hora
  • acesso no pc, tablet e smartphone
  • versão epaper do jornal no dia anterior
  • conteúdos exclusivos para assinantes
  • suplementos especiais

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.