Monte Farinha foi palco do Granfondo Senhora da Graça

A 3ª edição do ‘Proteu Granfondo Sra da Graça Shimano’ realizou-se no passado domingo com a presença de 1.000 ciclistas
 
Os ciclistas sentiram simultaneamente, as dificuldades e a beleza do terreno, com particular destaque para a subida final ao Monte Farinha, Santuário da Sr.ª da Graça e do ciclismo nacional, numa organização Cabreira Solutions com o apoio da Câmara Municipal de Mondim de Bastos.

Os atletas tiveram a opção de escolha nas distâncias minifondo com 61,2 Kms (1465 acumulado de subida), com vitória, na geral, para Hugo Nogueira (Discover Melgaço/U.C. Ponte da Barca) e Joana Ferreira (Optical +); o mediofondo com 97,8 kms (2378 mts acumulado de subida), com vitória para Nuno Torres (Secai/Gaiabike/Geoinerte), que chegou às 20 vitórias nesta distância, e no feminino a recém-mamã Flávia Lopes (Vasconha BTT/Vouzela) superiorizou-se às adversárias. Os mais arrojados desfrutaram da distância mais longa, o granfondo, com 132,8 kms (3431 mts de desnível positivo) e os mais rápidos a chegar à meta instalada no cume do Monte Farinha foram o atleta de Ourense David Vivas (Cadão/Soutense/Rematelaborado) e a barcelense Fátima Melo (Love Tiles).

Para José Carlos Carvalho, vice-presidente da autarquia, aliado ao "património natural, são os predicados que os mondinenses apresentam no seu cartão de visitas. Eventos desta envergadura e qualidade organizativa são parte integrante de parcerias estratégicas para a promoção do território"

Este ano, os participantes fizeram a subida das Fisgas do Ermelo e, aí, puderam observar uma das mais reconhecidas imagens captadas pelas filmagens de helicóptero, na etapa da volta, que, reiteradamente, apresenta aquela enorme cascata e termina no Monte Farinha. Também desfrutaram da descida de Bilhó, ladeada, por esplêndidas linhas de água e as quedas de água do Rio Cabrão, a rasgarem o verde campestre, onde o pelotão se alongou montanha abaixo e levou os participantes a elevar os picos de adrenalina, segundo relatos recolhidos à chegada.

A subida final à Senhora da Graça é uma experiência única, também ela vivida pelo Diretor de prova, João Cabreira, que enquanto ciclista profissional, lá subiu inúmeras vezes e venceu, por duas vezes, em etapas da Volta a Portugal e que estava visivelmente satisfeito "por mais uma edição de sucesso, onde todos se têm que superar, desde os atletas mais comedidos até aos mais afoitos, incluindo todos os elementos do staff, com mais de duas centenas de colaboradores, com aposta forte em todos os parâmetros de segurança, sem olhar a meios, e na qualidade dos serviços prestados."

Neste tipo de eventos, as marcas associadas ganham preponderância e estabelecem contactos de proximidade com os praticantes da modalidade, favorecendo até a auscultação para aplicação de melhorias contínuas, a edição 2022 desta prova contou com a parceria com a Shimano e a Proteu (empresa de climatização da Póvoa do Varzim).

A Cabreira Solutions e o Município de Mondim de Basto fazem um balanço "extremamente positivo" desta edição. Em 2022, a Cabreira Solutions ainda tem em agenda os seguintes eventos de estrada: UCI Granfondo Coimbra Region, Clássica Douro Internacional e Granfondo da Lousã.  
 
 
 
1
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Comunicados de Imprensa

Notícias