Desilusão do Rio Janeiro deu força a Norberto Mourão

Em 2016, canoísta ficou a escassos 7 milésimos de segundo de se qualificar

A estreia portuguesa vai ser em Tóquio, mas esteve muito, mas mesmo muito perto de acontecer há cinco anos. Norberto Mourão ficou a apenas 7 milésimos de segundo de se qualificar para os Jogos Paralímpicos do Rio de Janeiro. O atleta, de 40 anos, admite que passou mal depois dessa falha.

"Foi muito complicado. Sabia que ia ser difícil porque tive uma lesão antes da prova decisiva. Foi uma desilusão muito grande porque tinha trabalhado bastante", começou por dizer a Record, frisando que uma mudança de residência elevou a sua competitividade: "Eu treinava no Montijo e acabei por ir para Montemor-o-Velho. Fiquei com mais qualidade de treino e os resultados apareceram. A vaga para Tóquio é um enorme orgulho. Acabámos por superar tudo aquilo em que acreditávamos."

O treinador diz que acredita numa medalha. E o atleta? "O nível está elevado, mas o objetivo principal é chegar à final. São 8 e, se entrar, garanto o diploma e, a partir daí, tudo é possível. É chegar lá e dar o meu melhor de sempre", referiu, admitindo que, para si, foi um "alívio" os Jogos terem sido adiados: "A pandemia estava crítica e entre competir e arriscar a vida... Não sabíamos com o que estávamos a lidar, ainda para mais para mim, que sou asmático." 

Horários estão definidos

Alex Santos e Norberto Mourão já conhecem as datas e os horários em que vão competir nos Jogos Paralímpicos de Tóquio, que se realizam entre 24 de agosto e 5 de setembro. O primeiro a entrar em ação é Alex, que disputa as eliminatórias do KL1 200 metros no dia 2 de setembro às 00h30 (hora portuguesa) ou 00h35. Se for capaz de se apurar para a regata das meias-finais, volta a correr na manhã seguinte, de dia 4, às 00h30 ou 00h37. E, por fim, em caso de chegar às finais, que se disputam no mesmo dia, tem a B à 1h39 e a A à 1h47.
Por sua vez, Norberto, o mais experiente dos dois, compete na classe VL2 200 metros, e disputa as eliminatórias às 2h10 ou 2 h15 de dia 2 de setembro, depois descansa e só volta a competir dia 4. As semi-finais são às 00h58 ou 1h05, sendo que a regata decisiva está agendada para as 2h12. *

Por Pedro Filipe Pinto
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Fazemos campeões

Notícias