Estado de Emergência deverá ser prolongado até ao início de maio

Eduardo Cabrita fez revelação esta segunda-feira

Eduardo Cabrita, Ministro da Administração Interna, disse esta segunda-feira durante uma comunicação ao país que o Estado de Emergência deverá ser prolongado até ao início de maio.

O Ministro da Administração Interna revelou também que 126 pessoas foram detidas por desobediência, após uma reunião de monitorização do Estado de Emergência.

"Atingiu-se um nível de 4 mil portugueses que foram repatriados, regressando a Portugal", revelou o Ministro da Administração Interna.

Eduardo Cabrita disse que os controlos da fronteira terrestre com Espanha vão durar mais um mês, até 15 de maio.

Situações de irregularidades que ocorreram em lares devido às celebrações da Páscoa estão "identificadas e serão alvo dos procedimentos legais para contribuir para a segurança e saúde de todos os portugueses", informou.

Autor: Correio da Manhã

Deixe o seu comentário
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Coronavírus

Notícias

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.