Confinamento vai durar um mês e escolas podem fechar a partir do 2.º ciclo

Medidas devem ser anunciadas "em breve"

À saída da reunião no Infarmed, o primeiro-ministro António Costa revelou que as medidas que serão anunciadas para o próximo confinamento terão um "horizonte de um mês" e devem ser anunciadas "em breve".

O primeiro-ministro explicou que as medidas podem variar na segunda quinzena. "Se as coisas correrem bem, pode ser que na segunda quinzena seja aligeirado ou, caso contrário, teremos que adotar ainda medidas mais rigorosas", avisou.

Os especialistas divergiram sobre as melhores medidas para as escolas mas o primeiro-ministro avança que as escolas com alunos até aos 12 anos vão continuar abertas.

Sobre a campanha eleitoral, diz António Costa que a "própria lei do estado de emergência não permite qualquer intromissão das medidas do estado de emergência no funcionamento da campanha eleitoral. Será deixada ao bom senso dos candidatos".

12
Deixe o seu comentário
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Coronavírus

Notícias

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.