Academia Sueca adia entrega do Nobel da Literatura de 2018

Decisão foi motivada por escândalo acerca de acusações de assédio sexual

• Foto: Reuters

A Academia Sueca, que decide quem vence o Nobel da Literatura, vai adiar a entrega do galardão este ano. O vencedor de 2018 só será anunciado ao mesmo tempo que o do ano 2019. 

O escândalo de acusações de assédio sexual que envolveu o marido de um dos membros da Academia causou uma crise entre a organização. Katarina Frostenson abandonou a Academia depois de o seu marido, Jean-Claude Arnault, ter sido acusado de assédio sexual por 16 mulheres. A directora Sara Danius também abandonou a instituição. 

Como elas, quatro outros membros da Academia Sueca demitiram-se. 

Segundo a BBC, este escândalo é o maior a afectar o Prémio da Literatura desde que este começou a ser entregue, em 1901. A Academia justifica a decisão com a falta de confiança pública que a afectou. Antes de 2018, só tinha havido um ano em que o Nobel da Literatura não tinha sido entregue: em 1935, por não ter sido encontrado um vencedor à altura. 

Um ano depois, também não foi entregue o prémio na altura correcta; acabou por ser adiado até 1937 e galardoou o dramaturgo Eugene O'Neill. 

Autor: Sábado



Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Fora de Campo

Notícias

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0