Adiado julgamento do processo E-toupeira

Defesa de Paulo Gonçalves vai chamar Samaris e Svilar para testemunhar

Paulo Gonçalves
Paulo Gonçalves

Foi adiado o julgamento do processo e-toupeira que tem antigo homem forte de Vieira, Paulo Gonçalves, como arguido. Para já ainda não é conhecida data para o julgamento.

A defesa de Paulo Gonçalves, arguido do processo E-Toupeira, vai chamar Samaris e Svilar para testemunhar, mas não Luís Filipe Vieira, afastando assim o ex-presidente do Benfica do caso.

O processo e-toupeira investiga uma alegada rede que permitia ao Benfica aceder a processos judiciais que interessavam ao clube.

A Benfica SAD também foi acusada mas acabou por ser ilibada na fase de instrução. O julgamento estava marcado para dia 15.

Por Correio da Manhã
22
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Fora de Campo

Notícias