Andar em autoestradas no Interior vai ficar mais barato

Residentes e trabalhadores vão poder poupar até 25% por mês se usarem as vias todos os dias

O preço das portagens no interior do país vai baxiar. O Conselho de Ministros vai ter uma reunião esta quinta-feira onde irá aprovar um pacote de propostas para o Interior, entre eles a descida de preço em sete vias. De acordo com o Diário de Notícas, vai haver descontos até 40% nas antigas SCUT (autoestradas sem custos para o utilizador) para os utilizadores mais frequentes nas vias abrangidas.

Os descontos vão ser aplicados nas autoestradas A4 (Porto-Vila Real), A24 (Viseu-Chaves e Viseu-Vila Real), A28 (Porto-Viana), A25 (Aveiro-Viseu), A23 (Castelo Branco-Covilhã), A13 (Coimbra-Torres Novas) e A22 (Lagos-Vila Real de Santo António), adiantam esta quarta-feira vários meios de comunicação com base em informação do Ministério da Coesão Territorial.

A redução nas portagens deverá custar mais de 100 milhões de euros ao Estado.

Os descontos nas classes 1 e 2 vão variar conforme a utilização mensal: nos primeiros seis dias será pago o valor integral das portagens; entre o 7.º e o 15.º dia, o desconto é de 20%; a partir do 16.º dia, a redução é de 40%. Quem utilizar a autoestrada 22 dias por mês tem um desconto médio de 20%; quem circular 30 dias por mês tem um desconto médio de 25%. Os residentes e trabalhadores serão os maiores beneficiados.

Também haverá um novo sistema de descontos para veículos pesados, com o transporte de passageiros a passar a ser beneficiado como já são os que transportam mercadorias: 35% se a viagem for de dia; 55% se a deslocação for de noite.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Fora de Campo

Notícias

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.