As 10 marcas de automóveis mais valiosas do mundo

Toyota na liderança pelo sexto ano consecutivo

A Toyota é pelo sexto ano consecutivo a marca de automóveis mais valiosa do mundo. A marca nipónica continua a liderar uma lista que viu a Mercedes chegar pela primeira vez ao segundo lugar deste ranking anual e que viu a Tesla aumentar o seu valor em 60 por cento.

De acordo com o estudo "BrandZ Top 100 Most Valuable Global Brands" publicado pela Kantar Millward Brown, o valor da Toyota enquanto marca subiu 5 por cento e chegou quase aos 30 mil milhões de dólares, cerca de 25.7 mil milhões de euros, e tudo se deve à forte procura dos SUVs da marca na Europa e nos Estados Unidos.

"Os SUVs continuam a ser produtos desejáveis para aqueles que valorizam a segurança e a potência", afirmou Peter Walshe, director da Global BrandZ na Kantar Millward Brown. "No geral, a Toyota é muito fiável e representa um valor e uma qualidade fantástica", declarou, em declarações à "Automotive News Europe".

Recorde-se que a Toyota conquistou a primeira posição por onze ocasiões nos treze anos em que este estudo se realizou. E nos anos em que não conseguiu o primeiro posto, 2010 e 2012, ficou na segunda posição.

A segunda marca de automóveis mais valiosa do mundo é a Mercedes-Benz, que cresceu 9 por cento e chegou aos 22.02 mil milhões de euros de valorização. Para trás ficou a velha rival de Munique, a BMW, que cresceu 4 por cento e chegou aos 21.97 mil milhões de euros. Peter Walshe aponta as boas "performances" da Mercedes na China, no Brasil e na Rússia para explicar esta subida, mas não esquece o sucesso do novo Classe E.

Depois de uma ausência de dois anos, por culpa do escândalo do Dieselgate, a Volkswagen regressou a este ranking na décima posição e com um valor de cerca de 5.15 mil milhões de euros. "A VW mantem a sua força em termos de marca recomendada e confiável. Apesar dos clientes ouvirem coisas negativas, isso não os impediu de comprar. As vendas da VW mostram isso", disse Walshe. Recorde-se que no ano passado a Volkswagen estabeleceu um novo recorde global de vendas com 6.23 milhões de veículos vendidos.

Outro dos destaques deste "top" é a Tesla, que continua a valorizar e já passou a barreira dos 8 mil milhões de euros. Este número, que valeu à empresa fundada por Elon Musk o oitavo lugar desta lista, representa um aumento de 60 por cento face ao ano anterior e chega para assustar a Audi, que segue na sétima posição com um valor de 8.23 mil milhões.

"As pessoas estão entusiasmadas com a Tesla porque não é só uma marca de automóveis, é uma marca que quer explorar Marte. Isto é muito atractivo para os clientes", explicou Walshe, que não esquece que a marca com sede na Califórnia está com dificuldades em manter o ritmo da produção do novo Model 3.

No outro campeonato, o das marcas não automóveis, o primeiro lugar continua a pertencer à Google, que valorizou 23 por cento e atingiu a marca dos 259.11 mil milhões de euros. A Apple segue na segunda posição com uma valorização de 257.86 mil milhões, depois de uma subida de 28 por cento. A Amazon passou a Microsoft e assegurou a terceira posição e a gigante tecnológica chinesa Tencent fecha o "top 5".

Marcas automóveis mais valiosas do mundo (lugar no top 100 global das marcas):

  1.        Toyota – 25.71 mil milhões de euros (36)
  2.        Mercedes – 22.02 mil milhões de euros (46)
  3.        BMW – 21.97 mil milhões de euros (47)
  4.        Ford – 10.93 mil milhões de euros (96)
  5.        Honda – 10.89 mil milhões de euros (97)
  6.        Nissan – 9.8 mil milhões de euros (*)
  7.        Audi - 8.23 mil milhões de euros (*)
  8.        Tesla – 8.08 mil milhões de euros (*)
  9.        Suzuki – 5.47 mil milhões de euros (*)
  10.        Volkswagen – 5.15 mil milhões de euros (*)

(*) Marcas que não figuram no top 100 global

Autor. Aquela Máquina

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Fora de Campo

Notícias