Atividade económica cresce ao ritmo mais lento desde Fevereiro de 2017

Dados revelados peloInstituto Nacional de Estatística

Pessoas consumo consumidor Chiado
Pessoas consumo consumidor Chiado

O indicador de actividade económica continua a crescer, mas está a registar travagens de mês para mês, de acordo com os dados divulgados esta segunda-feira, 20 de Agosto, pelo Instituto Nacional de Estatística (INE).

O indicador de actividade económica registou um aumento de 2,3% quando comparado com o mesmo período do ano passado. A economia está assim a travar o ritmo de crescimento, já que os dados de Maio apontavam para um aumento da actividade económica de 2,4%.

Este indicador registou mesmo o crescimento mais brando desde Fevereiro de 2017, de acordo com os dados do INE.

Os últimos dados conhecidos apontam para que o crescimento do produto interno bruto (PIB) abrande, quando comparado com o ano passado. Os últimos dados são do segundo trimestre, com a economia nacional a crescer 2,3%, o que apesar de ter sido superior à evolução do primeiro trimestre, ficou abaixo das previsões dos economistas.

A estimativa do Governo é de que o PIB português cresça 2,3% em 2018, o que compara com um aumento do PIB de 2,7% no ano passado. 

Já o indicador de clima económico registou o maior aumento desde Maio de 2002, ao crescer 2,5%.

O indicador de consumo privado também aumentou 2,4%, em termos homólogos, estabilizando o ritmo de crescimento verificado nos dois meses anteriores.

Autor. Negócios

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Fora de Campo

Notícias

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0