Autárquicas: Mendes diz que vida de Passos Coelho será um "inferno" se não se demitir

Comentador qualifica resultados do PSD como uma "hecatombe"

• Foto: Pedro Catarino

O comentador político Luís Marques Mendes, antigo presidente do PSD, afirmou este domingo que não ficaria surpreendido se Pedro Passos Coelho comunicasse a sua saída da liderança dos sociais-democratas, face aos resultados das eleições autárquicas.

Em declarações à SIC Notícias, Marques Mendes qualificou o resultado do PSD nestas eleições como "uma hecatombe, um terremoto", e considerou que, se Passos Coelho quiser continuar à frente do partido, "a vida dele vai ser um inferno completo" e "vai ter dificuldade, numas diretas, de se manter na liderança".

"Não me surpreenderia muito que Passos Coelho tomasse a decisão, hoje [domingo] ou terça-feira, quando tem um Conselho Nacional, de dizer que sai, de dizer que abandona, de dizer que sai de jogo e que dá o lugar a outro, por outras palavras, que não se candidata novamente à liderança do partido", afirmou.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Fora de Campo

Notícias

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.