Avião com 189 pessoas cai no mar na Indonésia

Aparelho perdeu contacto com a torre de controlo minutos depois de levantar voo

Um avião comercial com 189 pessoas a bordo caiu no oceano esta segunda-feira durante a madrugada. O avião perdeu contacto com a torre central de Jacarta poucos minutos depois de levantar voo.

Não houve um sinal de emergência emitido pelo avião, afirmou a agência de procura e resgate indonésia que confirmou o acidente do voo JT610 da Lion Air. A agência não avançou se haviam sido encontrados sobreviventes. "Nós esperamos, nós rezamos, mas não podemos confirmar", disse o porta-voz da agência. 

Cerca de 23 oficiais do governo indonésio iam a bordo do avião que se despenhou, avança a Reuters.

O avião perdeu contacto com a torre de controlo de Jacarta 13 minutos depois de levantar voo. O capitão de um barco-reboque afirma que viu o avião despenhar-se contra a água.

Já foram encontrados alguns objectos pessoais a boiar na água, como telemóveis e coletes salva-vidas. Os objectos foram encontrados a cerca de 30 metros de profundidade no local onde o avião - um Boeing 737 MAX 8 - perdeu o contacto com a torre de controlo. Segundo um porta-voz da torre de controlo, o avião tinha emitido sinais de que queria voltar atrás, momentos antes de perder contacto com a central.

Barcos e helicópteros estão no local em busca de sobreviventes, afirmou o porta-voz Syaugi, acrescentando ainda que vão ser enviados mergulhadores para tentar encontrar vestígios do naufrágio.

"Não nos atrevemos a dizer quais são os factos ou não", disse Edward Sirait, o presidente do Lion Air Group, em declarações à agência Reuters. Num comunicado, a empresa precisou que o avião estava ao serviço apenas desde Agosto deste ano e que tinha recebido todas as autorizações necessárias para voar, com o piloto e co-piloto a somarem mais de 11 mil horas de voo, o que indica uma larga experiência.

Já em Karawang, em Jacarta, dezenas de ambulâncias esperam por contactos e paramédicos e polícias vão preparando barcos insufláveis para ajudar nas missões de resgate.

Será preciso esperar pelas caixas negras do avião para se apurar o que aconteceu, explicou o líder do comité de segurança nos transportes indonésio, explicando ainda Soerjanto Tjahjono que há já muita informação transmitida automaticamente pelo avião.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Fora de Campo

Notícias

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.