Banco de Portugal alerta para fraude na concessão de crédito fácil através das redes sociais

Exigido o pagamento de valores monetários recorrendo as falsas justificações

Utilizador acede ao Facebook no telemóvel
Utilizador acede ao Facebook no telemóvel

O Banco de Portugal está a alertar para um movimento nas redes sociais, em especial no Facebook, de perfis falsos que estão, de forma sucessiva, a tentar conceder crédito de forma alegadamente facilitada a outros membros destas plataformas, exigindo o pagamento de valores monetários, sempre com recurso a uma história falsa.

De acordo com um comunicado, o banco central diz que "tem tomado conhecimento de diversas situações em que pessoas coletivas ou singulares propõem ao público, através das redes sociais, em especial do Facebook, a suposta concessão de empréstimos, exigindo, como contrapartida, o pagamento de valores monetários recorrendo as falsas justificações".

"Normalmente, estas entidades afirmam conceder empréstimos, rapidamente, sem formalidades complexas, sem a prestação de garantias, com discrição e a todas as pessoas, mesmo àquelas que não conseguem obter crédito junto do sistema financeiro", acrescenta.

Por Negócios
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Fora de Campo

Notícias

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.