Briga entre casal na origem de fogo que fez desabar prédio em São Paulo

Homem e mulher estariam a cozinhar com álcool quando um empurrão fez fogueira ficar fora de controlo

A carregar o vídeo ...
Incêndio São Paulo

Uma discussão entre um casal que vivia na torre ocupada ilegalmente em São Paulo pode estar na origem do fogo que levou à derrocada do prédio de 26 andares, que aconteceu esta madrugada na cidade brasileira.

O jornal 'O Globo' conta que um dos moradores, Gabriel Archangelo, de 21 anos, assistiu ao momento, por volta da 1h30 local, em que um casal discutia no quinto andar, local onde as chamas deflagraram. O casal estaria a cozinhar usando álcool como combustível, uma prática proibida, mas comum. A testemunha conta que o marido colocava mais líquido na fogueira quando a mulher o empurrou.

Segundo o Globo, as roupas dos dois incendiaram-se. "Eles arrancaram tudo do corpo e desceram nus com os filhos pela escadaria. Gabriel avisou a mãe para levar seus 11 irmãos para baixo e correu até o décimo andar berrando "fogo, fogo!".

"Não deu tempo de todo mundo sair. Não deu", lamenta Archeangelo ao jornal brasileiro.

O fogo destruiu o edifício onde viviam cerca de 150 famílias, num total de 400 pessoas. Há pelo menos uma morte confirmada e vários desaparecidos. Ao início da manhã, o fogo foi extnto e as autoridades inicaram as operações de busca e salvamento

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Fora de Campo

Notícias

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.