Chefe da delegação do SEF de Albufeira detido pela PJ

Em causa estarão crimes de corrupção alegadamente cometidos durante o exercício de funções

O chefe da delegação do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras de Albufeira, no Algarve, foi detido, esta quinta-feira, durante uma operação da Polícia Judiciária. Em causa, adianta o Diário de Notícias, estarão crimes de corrupção alegadamente cometidos por Joaquim Patrício durante o exercício de funções.

Uma fonte ligada à investigação disse à Lusa que decorreram buscas e que esta operação "contou com a colaboração total do SEF" desde o início.

Ao mesmo jornal, o presidente do Sindicato da Carreira de Investigação e Fiscalização do SEF, Acácio Pereira, confirmou a detenção, mas não se quis alongar em comentários, aguardando "mais informações". "Em qualquer processo há uma questão que é fundamental que é a presunção de inocência, sendo certo que não compactuamos com quaisquer comportamentos ilícitos. Nessa medida tudo deve ser averiguado ao mais ínfimo pormenor, doa a quem doer", disse.






Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Fora de Campo

Notícias

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.