Coronavírus: Funcionário residente na casa do Papa com teste positivo

Aumenta para seis o número de casos confirmados no Vaticano

• Foto: Reuters

Um funcionário da Secretaria de Estado, residente na casa de Santa Marta, onde mora o Papa Francisco, testou positivo para a covid-19, aumentando para seis os casos confirmados, informou o Vaticano.

Em comunicado o diretor de comunicação do Vaticano, Matteo Bruni, esclareceu que "o Papa e os seus assessores mais próximos não estão envolvidos".

Bruni explicou que o funcionário da Secretaria de Estado, residente em Santa Marta, "teve alguns sintomas e foi colocado em isolamento" e que, "embora as suas condições de saúde não sejam particularmente críticas, como precaução, a pessoa foi internada num hospital romano sob observação".

De acordo com os protocolos de saúde estabelecidos, acrescentou o porta-voz, foi realizada a desinfeção dos ambientes, do local de trabalho e dos locais ocupados na residência, bem como rastreados os contactos efetuados pela pessoa em causa nos dias anteriores.

"Os resultados confirmaram a ausência de outros casos positivos entre os residentes na Casa Santa Marta", mas, segundo Bruni, "por precaução foram realizados 170 testes entre os funcionários da Santa Sé e os moradores da residência do Papa", os quais deram negativo.

Atualmente, segundo a agência EFE, estão contabilizadas seis pessoas infetadas pela Covid-19 entre os funcionários da Santa Sé e cidadãos do Estado da Cidade do Vaticano.

O novo corona vírus, responsável pela pandemia da covid-19, já infetou mais de 600 mil pessoas em todo o mundo, das quais morreram quase 28.000.

Por Lusa

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Fora de Campo

Notícias

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.