Coronavírus: Transtejo Soflusa disponibiliza venda de máscaras e aumenta lotação para 2/3

Equipamentos de proteção individual nos terminais fluviais do Barreiro, Cacilhas, Cais do Sodré e Terreiro do Paço

• Foto: Lusa

A Transtejo Soflusa (TTSL) vai disponibilizar máscaras em máquinas de 'vending', durante a próxima semana, e aumentar a lotação em cada navio para dois terços do total, na sequência da cessação do estado de emergência, decorrente da covid-19.

De acordo com um comunicado divulgado na noite de quinta-feira, a empresa vai disponibilizar equipamentos de proteção individual nos terminais fluviais do Barreiro, Cacilhas, Cais do Sodré e Terreiro do Paço, entre segunda-feira a sexta-feira, de modo a "garantir aos passageiros o acesso facilitado a máscaras qualificadas e certificadas [...], a soluções antisséticas de base alcoólica e luvas, em máquinas de 'vending'".

A TTSL também vai aumentar o "limite de passageiros transportados em cada viagem, de um terço para dois terços de passageiros da lotação de cada navio, em todas as ligações fluviais, a partir de 03 de maio [domingo]".

A lotação dos navios vai ser "controlada através da contagem de passageiros, efetuada sempre que transpõem o torniquete para acesso à sala de embarque", acrescenta a nota.

O Governo decidiu, na quinta-feira, que, a partir da próxima segunda-feira, os transportes públicos terão de circular com lotação máxima de dois terços da sua capacidade e os utentes terão obrigatoriamente de usar máscara, no âmbito da aprovação do plano de transição de Portugal do estado de emergência, que cessa no sábado, para o estado de calamidade.

Na sequência deste plano, a TTSL esclarece que vai voltar a ser obrigatória a "validação de todos os títulos e consequente bloqueio do sistema de torniquetes", também a partir de domingo.

A empresa também vai sinalizar o perímetro de segurança "no pavimento de todos os navios, junto a cada portaló", e sensibilizar os utilizadores das embarcações para a necessidade de "cumprir com a distância física de segurança".

A TTSL também vai manter o reforço de limpeza de desinfeção dos navios, terminais e estações fluviais, mantendo encerrados os espaços clientes, casa de banho e bares dos cacilheiros.

A pandemia de covid-19 atingiu 195 países e territórios, registando-se mais de 230 mil mortos e mais de 3,2 milhões de pessoas infetadas a nível global, com cerca de 908 mil doentes considerados curados, segundo a agência de notícias AFP.

Em Portugal, morreram 989 pessoas num total de 25.045 confirmadas como infetadas, e 1.519 doentes recuperaram, de acordo com a Direção-Geral da Saúde.

A covid-19 é uma doença transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Por Lusa

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Fora de Campo

Notícias