Dívida pública baixa 251 milhões de euros em novembro

Portugal amortizou uma obrigação de 1.578 milhões de euros

A dívida pública na ótica de Maastricht, a que interessa a Bruxelas, desceu 251 milhões de euros em novembro de 2019 para os 251,1 mil milhões de euros. Os dados foram revelados esta quinta-feira, 2 de janeiro, pelo Banco de Portugal.

Em novembro, segundo o boletim mensal do IGCP, a agência que gere a dívida pública, Portugal amortizou uma obrigação de 1.578 milhões de euros, o que contribuiu para a redução do endividamento em títulos de longo prazo.
Nesse mesmo mês, a agência liderada por Cristina Casalinho fez uma emissão de dívida a dez anos no valor de 970 milhões de euros.

"Para esta diminuição contribuiu essencialmente a redução dos títulos de dívida, a qual foi parcialmente compensada pelo aumento das responsabilidades em depósitos", explica o banco central na nota de informação estatística

Este é o valor mais baixo da dívida pública desde julho deste ano, altura em que a dívida pública estava nos 250 mil milhões de euros. A evolução deste valor mensal é influenciado por vários fatores temporários em cada mês pelo que este valor é mais volátil do que o rácio face ao PIB.

Já o peso da dívida pública no PIB tem vindo a cair de forma consistente nos últimos dois anos, tendo atingido mínimos de 2012. No terceiro trimestre de 2019, a dívida pública em percentagem do PIB situava-se nos 120,5%. A meta do Governo era terminar 2019 nos 118,9%, baixando o rácio para 116,2% no final de 2020.

O Banco de Portugal revela ainda que os ativos em depósitos das administrações públicas - a chamada "almofada financeira" - diminuíram 0,3 mil milhões de euros em novembro face a outubro, tendo ficado nos 16,85 mil milhões de euros. A dívida pública líquida de depósitos ficou inalterada nos 234,4 mil milhões de euros.

Por Negócios
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Fora de Campo

Notícias

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.