Equipa "secreta" do fisco vigia e fotografa contribuintes

Depois das operações STOP, há uma nova polémica

Depois das operações STOP, há uma nova polémica sobre a relação do fisco com os contribuintes e a envolver a direção de Finanças do Porto.

Segundo noticia hoje o Jornal Económico, esta direção criou, em 2017, uma "equipa de investigação criminal que, sem ordens de serviço escritas, faz vigilâncias, seguimentos e recolha de material fotográfico de suspeitos de crimes fiscais". 

Após uma denuncia por parte de um sindicato, a Autoridade Tributária ordenou a realização de uma auditoria, disse ao jornal fonte oficial do Ministério das Finanças, garantindo que esta equipa especial do Fisco tem enquadramento orgânico.

"Tendo a atuação desta equipa sido objeto de preocupação transmitida por uma organização sindical à AT, essas considerações justificaram que se determinasse uma averiguação, que se materializa numa auditoria que decorre", disse fonte oficial das Finanças ao Jornal Económico, acrescentando que a auditoria "encontra-se em curso, pelo que é prematuro falar sobre o objeto da mesma".

Esta equipa foi criada por proposta do anterior diretor de Finanças do Porto, que se demitiu na sequência da polémica com a operação STOP.

Apesar da auditoria ter sido pedida já em 2018, esta equipa que é considerada "secreta pelos funcionários do fisco" continua a exercer atividade. É composta por um coordenador que trabalhava na Polícia Judiciária e sete inspetores tributários.

Segundo uma fonte próxima do diretor de Finanças do Porto que se demitiu, esta equipa foi criada em consenso com os serviços centrais, só atua a pedido do Ministério Público e as suas diligências são feitas na qualidade de órgão de polícia criminal.

Autor: Negócios

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Fora de Campo

Notícias

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.