Eurovisão: Metro de Lisboa reforça linhas vermelha, verde e azul

Até à madrugada de dia 13

• Foto: Pedro Catarino

O Metropolitano de Lisboa vai reforçar o serviço nas linhas vermelha, verde e azul a partir desta sexta-feira, e até à madrugada de domingo, dia 13, para "dar resposta ao aumento de passageiros" esperado devido ao Festival Eurovisão.

Numa nota enviada à agência Lusa, a empresa refere que "para dar resposta ao aumento de passageiros, previsto ocorrer durante o período de realização do Festival Eurovisão da Canção, o Metropolitano de Lisboa irá reforçar o seu serviço nas linhas vermelha [São Sebastião-Aeroporto], verde [Cais do Sodré-Telheiras] e azul [Reboleira-Santa Apolónia], a partir de sexta-feira ao final do dia" e até à madrugada de domingo, dia 13 de maio.

"Este reforço de serviço traduz-se na disponibilização de comboios com seis carruagens e no aumento do número de comboios, sempre que se justificar", aponta a nota, acrescentando que "em todas as estações da rede, onde se prevê maior afluência de passageiros, haverá reforço de pessoal para garantir o serviço adequado ao cliente".

O Metropolitano de Lisboa irá também articular este reforço na circulação "com as forças de intervenção da PSP", por forma a "garantir um serviço de transporte com as condições de segurança adequadas".

Na nota enviada à Lusa, é referido ainda que será disponibilizado aos clientes, "em colaboração com a Carris e em colaboração com a organização do evento, um desdobrável que facilite as deslocações em transporte público ao local" do festival.

Apesar do reforço, "o Metropolitano de Lisboa apela à compreensão dos seus clientes para eventuais transtornos que a afluência excepcional de passageiros possa causar no normal serviço de exploração".

O metro salienta ainda que "tudo fará para assegurar os níveis de qualidade de serviço que diariamente procura assegurar aos seus clientes".

A nível da Área Metropolitana, a Lusa questionou também a Fertagus relativamente a um eventual reforço da circulação, mas fonte oficial da empresa afirmou que tal medida não está prevista.

Também o transporte fluvial não deverá ser reforçado.

Em resposta enviada à Lusa, o grupo que abarca a Transtejo e Soflusa referiu que "não registou, até ao momento, um acréscimo da procura devido à Eurovisão, motivo pelo qual não se encontra previsto o reforço das ligações de transporte fluvial de passageiros".

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Fora de Campo

Notícias

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0