Exploração de petróleo e gás chega ao fim em Portugal

Decisão tomada depois de a Australis ter renunciado aos contratos de concessão

Portugal acabou com a exploração de petróleo e gás. Uma decisão tomada depois de a Australis, a última empresa que procurava hidrocarbonetos no país, ter renunciado aos contratos de concessão.  

"Não serão atribuídos mais contratos de prospeção e pesquisa de gás natural ou petróleo", afirma fonte oficial do Ministério do Ambiente e da Ação Climática (MAAC) ao Jornal Económico, esta segunda-feira, 7 de setembro.

Foi na sexta-feira que o Público avançou que a empresa Australis Oil & Gas Portugal iria desistir de procurar gás natural nas áreas que lhe foram concessionadas na Batalha e em Pombal. Estes dois contratos de concessão eram os últimos que ainda estavam em vigor. 

A empresa australiana detinha desde 2015, e pelo período de oito anos, as duas concessões para a exploração de hidrocarbonetos em cerca de 2.510 quilómetros quadrados de terreno.

A decisão de renunciar às concessões foi para a empresa "muito dececionante", afirmando ter ficado "com poucas opções" para avançar com os trabalhos. A Australis lamentou ainda, citada pelo Público, não ter recebido "nenhum apoio ou ajuda do Governo", nomeadamente "nos esforços para fornecer informações claras, concisas e precisas" à população e às autoridades municipais sobre as operações que a empresa tinha em curso. A renúncia terá efeito a partir de 30 de setembro.

Por Negócios
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Fora de Campo

Notícias

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.