Julgamento entre Julio Iglesias e “filho ilegítimo” vai ser à porta fechada

Tribunal acedeu, desta maneira, ao pedido feito pela defesa do cantor

• Foto: Getty Images

O julgamento entre o cantor Julio Iglesias e Javier Sánchez, "filho ilegítimo" da vedeta espanhola, vai decorrer à porta fechada por decisão do tribunal de primeira instância de Valência que vai julgar o pedido de filiação do homem de 42 anos. A decisão tem por base "garantir a proteção da intimidade e da vida privada das partes" envolvidas no processo e foi comunicada aos advogados dos dois lados no decorrer desta semana, segundo o El País.

O tribunal acedeu, desta maneira, ao pedido feito pela defesa de Julio Iglesias, cuja presença nas audiências não está confirmada.

No início de Dezembro de 2018, os advogados de Javier Sánchez, pediram que os restantes filhos do músico sejam submetidos a um teste de ADN, para comprovar a ligação genética entre ele e o músico.

Até ao momento, Iglesias, de 75 anos, negou-se a fazer o teste de ADN. Um outro, sem validade jurídica, foi entregue em 2017, na abertura do processo de filiação, e certificava a paternidade do cantor.

Em 2017, a SÁBADO conheceu a mãe de Javier, Maria Edite Santos, que diz que engravidou numa das dez noites que passou com o músico na década de 70.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Fora de Campo

Notícias