Legionella detetada no IPO de Lisboa

Não há registo de que qualquer doente possa estar infetado

O IPO de Lisboa
Legionella
Surto de Legionella pode entrar em fase favorável
A lista de credores do Instituto Português de Oncologia (IPO) de Lisboa é extensa e há dívidas com mais de 16 anos
IPO de Lisboa
O IPO de Lisboa
Legionella
Surto de Legionella pode entrar em fase favorável
A lista de credores do Instituto Português de Oncologia (IPO) de Lisboa é extensa e há dívidas com mais de 16 anos
IPO de Lisboa
O IPO de Lisboa
Legionella
Surto de Legionella pode entrar em fase favorável
A lista de credores do Instituto Português de Oncologia (IPO) de Lisboa é extensa e há dívidas com mais de 16 anos
IPO de Lisboa

Foi detetada a presença da bactéria de Legionella nas instalações do Instituto Português de Oncologia (IPO) de Lisboa, durante a manhã desta quarta-feira.

Segundo o que o Correio da Manhã conseguiu apurar junto de fonte oficial do Instituto, este foco de Legionella foi detetado no âmbito do controlo regular às canalizações.

Até ao momento, não há registo de que qualquer doente possa estar infetado, pelo que o IPO procedeu à tomada das "medidas de controlo necessárias", avançou a mesma fonte.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Fora de Campo

Notícias

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.