Luís Figo perde a paciência com o governo espanhol: «É a p... da ruína»

Em causa o levantamento das medidas de restrição

O português Luís Figo criticou esta sexta-feira a forma como estão a ser levantadas as medidas de restrição em Espanha, nomeadamente em Madrid, cidade onde vive há quase duas décadas.

"Hoje é dia de saber que comunidades passam à próxima fase [de desconfinamento], mas ninguém percebe os critérios. Quem decide? Diz-se que Madrid vai passar à fase 0,5, mas antes havia fase 0,5?", escreveu o ex-jogador do Real Madrid, nas redes sociais, seguido de um  hastag a dizer "Isto é a p... da ruína".

O Governo espanhol iniciou o desconfinamento a 2 de maio, mas com diferentes critérios para cada região. Na próxima segunda-feira, a 18 de maio, arranca mais um alívio de medidas, com alguns territórios a entrarem na chamada "fase 2". No entanto, Madrid ainda não saiu da fase 0 e esta tarde, o governo espanhol anunciou que a capital não está preparada para a fase 1. Vai, por isso, ser criada uma fase intermédia denominada "fase 0,5", que prevê apenas a abertura do pequeno comércio.

Ao final da tarde Luís Figo voltou ao Twitter para responder às críticas deixadas por vários seguidores na primeira publicação: "Como eu gosto que apareçam todos os inimigos. Estejam tranquilos, porque aqui decidem os cientistas. Ao dia de hoje, Espanha é o país da Europa com as medidas mais duras de confinamento e com 27.500 pessoas mortas, mas parece que é para estarmos contentes".

Por Andreia Candeias
15
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Fora de Campo

Notícias

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0