Meios navais e aéreo procuram atuneiro da Madeira que está incomunicável há 3 dias

O 'Sete Mares' tem sete pessoas a bordo

• Foto: DR

Dois meios navais da Marinha Portuguesa e o avião da Força Aérea estão envolvidos na operação de busca ao atuneiro da Madeira que está sem comunicar com o armador há três dias, disse este sábado fonte da capitania.
O comandante da Zona Marítima da Madeira, Guerreiro Cardoso, afirmou à agência Lusa que a embarcação "é um atuneiro da Madeira, o 'Sete Mares', que tem sete pessoas a bordo" e há três dias não estabelece qualquer comunicação com o respetivo armador.
O capitão-de-mar-e-guerra adiantou que as buscas começaram na noite de sexta feira com recurso ao navio patrulha 'Tejo' e à lancha 'Hidra' "que se fizeram ao mar para procurar o atuneiro".
"Hoje, pelas 08:00, juntou-se o avião C295 do Aeródromo do Porto Santo", disse, acrescentando que  "até ao momento não houve qualquer contacto, nem indicação da embarcação".
Sobre a zona onde está a incidir a operação de busca, Guerreiro Cardoso indicou que abrange uma área que inclui "a última localização conhecida da embarcação há três dias, a sudoeste do Cabo Girão, perto da Ponta do Pargo", na parte oeste da ilha da Madeira.
O comandante afirmou esperar que tudo não passe de "um problema de falta de energia, o que afeta as comunicações".

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Fora de Campo

Notícias