Polícia Judiciária faz buscas na SATA

Por suspeitas de fraude, peculato e falsificação de documentos

A Polícia Judiciária dos Açores está a fazer buscas na SATA para investigar suspeitas de fraude na obtenção de subsídios, peculato, participação económica em negócio e falsificação de documentos à volta da Associação de Turismo dos Açores (ATA), apurou a SÁBADO.

Também esta quarta-feira as autoridades fizeram diligências na Associação de Turismo dos Açores (ATA). Desde terça-feira que os inspetores da Judiciária estão a realizar dezenas de buscas, as quais estão estão a ser acompanhadas por elementos do OLAF, Organismo Europeu Anti-Fraude.

No centro da investigação está a ATA e o seu presidente, Francisco Coelho. Nos últimos meses, a investigação recolheu dados que apontam para a existência de um "saco azul", o qual poderá ter servido para enriquecimento ilícito e, eventualmente, financiamento partidário, segundo apurou a SÁBADO.

Entretanto, a secretária regional do Turismo, Marta Guerreiro, já afirmou diz desconhecer o que está a ser investigado, afirmando, porém, que , em breve, o resultado será entregue ao Governo Regional e tornado público, posteriormente. Recorde-se que, desde o final do ano passado, o governo regional dos Açores e a companhia aérea SATA deixaram de ter uma participação formal na Associação de Turismo dos Açores.

Autor: SÁBADO

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Fora de Campo

Notícias

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0