Presidente da República expressa pesar pela morte de Leonard Cohen

Marcelo Rebelo de Sousa enaltece dignidade literária

• Foto: Lusa

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, manifestou esta sexa-feira pesar pela morte do cantor e músico canadiano Leonard Cohen, afirmando que poucos deram tanta dignidade literária às canções.

"Manifesto o meu pesar pela morte do cantor e músico canadiano Leonard Cohen. Poucos trouxeram tanta dignidade literária às canções como Cohen, romancista, poeta, trovador, homem espiritual. E poucos deram às canções tanta densidade, melancolia, exultação", afirmou Marcelo Rebelo de Sousa, numa nota publicada no site da Presidência da República.

O Presidente da República, que termina a nota com uma citação da letra da canção "Hallelujah", frisou que os portugueses "sempre gostaram" de Leonard Cohen, que tocou várias vezes em Portugal, a última das quais em 2012.

"Pudemos por isso agradecer-lhe, sem sabermos que nos estávamos a despedir", afirmou.

O músico canadiano Leonard Cohen morreu aos 82 anos, anunciou o seu agente na quinta-feira.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Fora de Campo

Notícias

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.