Produção automóvel em Portugal abranda quebra para 20% em junho

No conjunto dos primeiros seis meses deste ano, diminuiu 36,2%

A produção automóvel em Portugal voltou a registar uma forte descida no mês de junho, ainda que menos acentuada do que as quebras registadas nos dois meses anteriores, marcados pelo encerramento de muitas fábricas.

De acordo com os dados da ACAP, divulgados esta terça-feira, 14 de julho, a produção de automóveis no país desceu 20% em junho face ao mesmo mês do ano passado, depois dos decréscimos de 50,6%, em maio, e de 95,7%, em abril.

No mês passado, foram produzidos, em Portugal, 22.943 veículos automóveis ligeiros e pesados, muito acima das 15.965 unidades produzidas em maio.

Este número eleva para 117.350 o número total de carros fabricados nos primeiros seis meses deste ano, o que corresponde a uma diminuição de 36,2% face ao primeiro semestre de 2019.

36,2%Queda

A produção automóvel em Portugal baixou mais de 30% no primeiro semestre

Segundo a ACAP, a informação relativa ao primeiro semestre de 2020 "confirma a importância que as exportações representam para o setor automóvel já que 98% dos veículos fabricados em Portugal têm como destino o mercado externo, o que, sublinhe-se, contribui de forma significativa para a balança comercial portuguesa".

Neste período, a Europa continuou a ser o mercado líder nas exportações dos veículos fabricados em território nacional – com 96,7% – com a Alemanha (22,7%), França (16,2%), Itália (12,6%), Espanha (11,7%) e Reino Unido (8,7%) no topo do ranking.

Por Negócios
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

Ultimas de Fora de Campo

Notícias