A presidente do Sindicado dos Jornalistas (SJ), Sofia Branco, esteve esta terça-feira na Comissão de Cultura, Comunicação, Juventude e Desporto, na Assembleia da República, onde apontou o tempo dado aos comentadores desportivos na televisão e os diretores de comunicação dos clubes como outros dos problemas que contribuem para o clima de crispação que rodeia o futebol português.

"Há problemas que estão centralizados numas figuras chamadas diretores de comunicação, que não são os assessores de imprensa, que não estão regulados por ninguém e muitas vezes nem são funcionários dos clubes. E são estas pessoas que passam o tempo todo nas televisões a incendiar", afirmou.

Autor: Paulo Jorge Rocha