Teixeira Duarte tem de vender 500 milhões de ativos

No âmbito de um acordo com BCP, Novo Banco e Caixa Geral de Depósitos

A Teixeira Duarte vai ter de vender um conjunto de ativos de 500 milhões de euros, no âmbito de um acordo com BCP, Novo Banco e Caixa Geral de Depósitos para redução da dívida.

Em comunicado, a Teixeira Duarte diz ter concluído um acordo com os três bancos com vista "à redução do seu ativo e do seu passivo", que obriga a um "programa de alienação de ativos no valor de cerca de 500 milhões de euros".

Com a venda vem um acordo para redução da dívida à banca, e aumentar a maturidade dos financiamentos, não tendo esta parte sido especificada no comunicado.

Em comunicado, a Teixeira Duarte diz apenas que o acordo "permite programar, nomeadamente, a velocidade de redução do endividamento bancário do Grupo, salvaguardando dessa forma níveis adequados de liquidez".

No final do primeiro semestre de 2017, a dívida líquida da Teixeira Duarte superava os 1,1 mil milhões de euros. O activo estava contabilizado em 2,4 mil milhões de euros.

A Teixeira Duarte não revela os ativos que vai vender. 

Autor: Alexandra Machado/Negócios

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Fora de Campo

Notícias