Vacina contra o coronavírus testada em 550 pessoas no final do mês em Inglaterra

Desenvolvida pela empresa Advent-Irbm, em cooperação com o Instituto Jenner da Universidade de Oxford

Uma vacina contra o coronavírus desenvolvida pela empresa Advent-Irbm, em Pomezia, Itália, em cooperação com o Instituto Jenner da Universidade de Oxford vai começar a ser testada já no final do mês de abril em humanos.

O anúncio foi feito pelo CEO da Irbm, Piero Di Lorenzo, e, segundo o mesmo, se resultar, a vacina poderá começar a ser usada em setembro em profissionais de saúde e polícias. 

"Em virtude dos dados adquiridos nas últimas semanas, o primeiro lote da vacina partirá de Pomezia para  Inglaterra, onde os testes começarão com 550 voluntários saudáveis", indicou Di Lorenzo.

O processo, explica Di Lorenzo, foi acelerado face ao número crescente de casos e governos interessados na vacina

"Foi decidido ir diretamente para a fase de testes clínicos em humanos em Inglaterra", conclui.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Fora de Campo

Notícias

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.