Árbitros descontentes com a Liga

Em causa aumento de prémios, bem como questões relacionadas com viagens e hotéis

• Foto: André Sanano/FPF

Os árbitros da primeira categoria esperam que a Liga resolva em breve alguns problemas que têm afetado o setor nos últimos anos. Em causa estão questões relacionadas com os prémios de jogo, que não aumentam há oito anos, bem como outras logísticas.

Luciano Gonçalves, presidente da Associação Portuguesa de Árbitros de Futebol (APAF), explicou a Record que "os árbitros não estão satisfeitos com algumas situações" e pedem a atenção de Pedro Proença lhes dê ouvidos. "Esperamos que o presidente da Liga entenda o que está em causa e aceite as nossas reivindicações", afirma.

A questão do congelamento dos prémios de jogo é, talvez, a mais fraturante, até porque o último Relatório e Contas da Liga mostra que o organismo já não está em situação deficitária. Depois, os árbitros pretendem deixar de viajar no mesmo avião que as equipas que se deslocam às ilhas, o que acontece frequentemente, bem como poderem recorrer às viaturas próprias e apresentar despesas de quilómetros por isso. Tudo para evitar que uma equipa de arbitragem que seja constituída por elementos de diferentes locais do país não seja obrigada a mais horas de viagem para que todos sigam no mesmo veículo alugado pela Liga.

Para Luciano Gonçalves, "estas questões são fundamentais para dar tranquilidade" aos juízes e, sem traçar cenários, garante que "os árbitros vão ser intransigentes na defesa dos seus direitos".

Por Sérgio Krithinas
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Arbitragem

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0