Árbitros pedem aumento já

Prémios de jogo não são revistos há oito anos, pelo que os árbitros consideram situação urgente

• Foto: Luís Manuel Neves
Os árbitros da primeira categoria, que dirigem os jogos das provas profissionais, pretendem que a Liga aumente os prémios de jogo já nesta temporada e não apenas em 2018/19, como fonte do organismo anunciou ontem a Record. Os juízes, sabe o nosso jornal, sublinham que os valores dos prémios de jogo estão congelados há oito anos e, por isso, entendem que devem ser revistos no imediato e mantêm em aberto a possibilidade de avançar com medidas de protesto.

Para a Liga, que tem lutado nos últimos anos para voltar a equilibrar as contas, aumentar estas verbas já na próxima época seria uma antecipação em relação ao estabelecido no plano de negócios apresentado à Federação, que apenas previa essa subida em 2019/20.

Considerando as tais oito temporadas consecutivas sem aumentos, os árbitros pretendem uma verba que compense o tempo em que não foram aumentados. Cada jogo da Liga NOS rende aos árbitros principais 1.342 euros, enquanto os de 2ª Liga são pagos a 939 euros – os quartos árbitros são pagos com 25 por cento desse valor.

Apesar de ter dito que iria ao encontro das pretensões dos árbitros, a Liga não divulgou qual o aumento que está disposta a dar. Os prémios dos árbitros representam, segundo o orçamento deste ano, 2,4 milhões de euros.
4
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

Ultimas de Arbitragem

Notícias

Notícias Mais Vistas