Vasco Santos assume erro no penálti a favor do FC Porto em Portimão

VAR do duelo do Algarve admite que interpretou o lance de forma errada

A carregar o vídeo ...
Declarações de Vasco Santos

Vasco Santos assumiu esta quarta-feira ter cometido um erro de análise no lance do penálti assinalado a favor do FC Porto no duelo com o Portimonense. Ao comando do VAR no encontro do Algarve, Vasco Santos admite em declarações disponibilizadas a Record que inicialmente ficou com a ideia de que havia uma irregularidade, mas que depois, após um visionamento mais atento, percebeu que afinal Jadson não tinha tocado a bola com o braço.

"A minha interpretação sobre o lance é que fiquei com a sensação de era uma situação para penálti. O árbitro assinalou e, a partir desse momento, fui analisar várias câmaras. A maior parte deu-me indicação de que a decisão tomada inicialmente pelo árbitro tinha sido a correta, mas depois de uma análise mais cuidada de várias câmaras é-me apresentada uma, do lado oposto ao lado onde acontece a situação de jogo, que me suscitou algumas dúvidas sobre se a bola tinha batido no peito ou no braço", começou por dizer o juiz da AF Porto.

"Ainda estive algum tempo a analisar e pareceu-me que a bola tinha batido no braço esquerdo do jogador, entre o braço e o peito, na zona da braçadeira. Como não tive certezas de que a decisão do árbitro estava errada, decidi não intervir, conforme diz o protocolo. Depois, analisando o lance de uma forma mais tranquila, sem a pressão de não ter de decidir, verifiquei, efetivamente, que a bola só bateu no peito, de uma forma clara. Se tivesse tido essa noção, certamente teria chamado o árbitro para lhe mostrar que a decisão dele não tinha sido a correta", admitiu.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Arbitragem

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.