Coronavírus: Liga e Sindicato de Jogadores criam comissão de acompanhamento

Para "criar condições para a resolução da temporada 2019/20"

• Foto: Filipe Farinha

A Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP) e o Sindicato de Jogadores vão criar uma comissão de acompanhamento no âmbito da pandemia de Covid-19, para "criar condições para a resolução da temporada 2019/20", anunciou hoje o organismo de clubes.

A comissão de acompanhamento servirá "não só para monitorização da atual situação, mas também para que os dois organismos, em consonância, e sempre em sintonia com o trabalho que está a ser desenvolvido pela European Leagues [Associação de Ligas Europeias] e pela FIFPRO, consigam criar condições para a resolução da temporada 2019/20".

"A pandemia de Covid-19 tem causado inúmeros constrangimentos e estes são momentos conturbados para todos. Esta comissão de acompanhamento terá oportunidade de discutir, analisar e tentar encontrar soluções para eventuais problemas que possam surgir no futebol profissional português, dentro do espírito de responsabilidade e colaboração que este momento exige", indica o comunicado da LPFP.

O contrato de vários futebolistas de clubes da I e II ligas, que foram suspensas devido à pandemia e nas quais faltam disputar 10 jornadas, termina em junho de 2020, o que poderá representar um problema acrescido caso à época se prolongue além dessa data.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da covid-19, infetou mais de 265 mil pessoas em todo o mundo, das quais mais de 11.100 morreram. Das pessoas infetadas, mais de 90.500 recuperaram da doença.

O surto começou na China, em dezembro de 2019, e espalhou-se por mais de 182 países e territórios, o que levou a Organização Mundial da Saúde a declarar uma situação de pandemia.

Depois da China, a Europa tornou-se o epicentro da pandemia, o que levou vários países a adotarem medidas excecionais, incluindo o regime de quarentena e o encerramento de fronteiras.

Em Portugal, que se encontra em estado de emergência desde as 00:00 de quinta-feira, a Direção-Geral da Saúde elevou na sexta-feira hoje o número de casos confirmados de infeção para 1.020, mais 235 do que no dia anterior. O número de mortos no país subiu para seis.

Por Lusa

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Futebol

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.