Rui Nibra: «Regressar a Portugal é um grande desejo»

Guarda-redes jogou na 2.ª Liga do Chipre na última época

Depois de terminada a aventura em Macau, onde jogou três temporadas no Benfica de Macau, Rui Nibra partiu para o Chipre para representar o Paeek, clube da 2.ª divisão cipriota.

"Foi novamente uma grande experiência, pois consegui cumprir os objetivos individuais que tinha definido no início da temporada. No entanto, a nível coletivo não foi uma época de excelência, a equipa conseguiu a manutenção ficando em 9o lugar", analisou. 

Com o futuro em aberto, Rui Nibra não escondeu que a continuidade no Chipre está em cima da mesa, mas o regresso a Portugal é o principal desejo.

"Neste momento o principal objetivo passa por ser jogador profissional, e jogar em campeonatos competitivos. Não me refiro em especial ao contexto nacional, visto que ultimamente as equipas portuguesas não têm preferência em apostar em jovens portugueses. Regressar a Portugal é um grande desejo, mas todos sabemos que os jovens portugueses têm poucas oportunidades para singrar numa primeira liga, por exemplo. O que poderá ser uma vantagem é que a partir desta época sou um jogador livre no que se refere a direitos de formação. Contudo, a preferência dos clubes portugueses continua a passar por jogadores estrangeiros que chegam através de empresários, e na minha opinião os jovens jogadores portugueses têm dado provas mais do que suficientes para terem mais, e melhores oportunidades", atirou.

Por André Ferreira
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Futebol

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.