'Expresso' avança que Benfica assinou contrato de 1,3 milhões com empresa que não existia

Semanário avança com novos dados no âmbito do dossiê Football Leaks

O 'Expresso' revela esta sexta-feira, no âmbito do dossiê Football Leaks, que quando a SAD do Benfica assinou um contrato com a Hightower Unipessoal, essa empresa era "apenas conhecida pelos dirigentes do Benfica e pelos donos da própria Hightower, uma vez que na data que consta do contrato a sociedade nem sequer tinha sido criada".

O contrato - com valor de 1,3 milhões de euros -  tinha como início 1 julho de 2016 e uma duração de 24 meses, cessando em 30 de junho de 2018. A Hightower viria a ser criada a 30 de agosto de 2016.

O mesmo tinha as assinaturas de Luís Filipe Vieira e Domingos Soares de Oliveira por parte do Benfica, assim como dos administradores da Hightower Rui Silva e José Reis .

153
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Football Leaks

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.