Liga Europeia: Portugal perde com Bielorrússia

Golos de Madjer e Bruno Novo foram insuficientes

Mário Narciso, selecionador nacional de futebol de praia
• Foto: Aleksandar Djorovic

A seleção portuguesa de futebol de praia perdeu este sábado com a Bielorrússia, por 4-2, em jogo da segunda etapa da Liga Europeia, a decorrer até domingo em Siofók, na Hungria.

Num encontro em que a Bielorrússia pautou a sua exibição pela eficácia, Portugal tentou impor o seu jogo, mas os golos do capitão Madjer e de Bruno Novo foram insuficientes.

Portugal volta a entrar em campo no domingo, frente à Rússia, no encontro que irá encerrar a participação dos campeões do mundo na segunda etapa da Liga Europeia e que terá início às 14:45 (hora de Lisboa).

"Foi um jogo muito físico, mas estávamos preparados. A Bielorrússia tem as características que normalmente têm as equipas do Marco Otávio, que jogam no choque e na agressividade", referiu o selecionador Mário Narciso ao site da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) na Internet.

Ainda de acordo com Mário Narciso, esta atitude desconcentrou um pouco a equipa portuguesa.

"Estou convencido que o jogo com a Rússia vai ser muito diferente, é uma equipa que joga mais aberta e tem maior agilidade necessária. É necessário ganhar para manter o espírito de vitória e não tenho dúvidas que a equipa se vai apresentar unida em busca desse objetivo", disse.

Portugal já tinha conseguido na sexta-feira, com a goleada imposta à Roménia, por 7-0, um dos grandes objetivos da época, que era a qualificação para a Superfinal da Liga Europeia.

Com a qualificação para a Superfinal, que vai decorrer em Catania, em Itália, entre 25 e 28 de agosto, a seleção portuguesa pode ambicionar revalidar o título de campeão da Europa conquistado em 2015 em Parnu, na Estónia.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Futebol de Praia

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.